Fiquei com vontade de escrever um pouco sobre fé. Foi o que falei na ONG no domingo passado, porém adaptado para nossa realidade como AIRO. Todos nós já sabemos que a melhor definição de fé está no capítulo onze do livro de Hebreus. Diz que a fé é a certeza de que vamos receber as coisas que esperamos e a prova de que existem coisas que não podemos ver.

Aprendi com a Vivi (minha esposa), que eu preciso extrair dos textos bíblicos a aplicação prática de cada um deles. Então eu não poderia mais ler a definição de fé sem que pudesse dizer como que esse conceito se aplica na minha vida diária. Como exemplo do que quero dizer a vocês, usarei uma das histórias que Mateus conta a respeito de Jesus. Diz que Ele subiu num barco e que seus discípulos foram juntos. Só que no meio do rolê uma grande tempestade agitou o lago ao ponto das ondas cobrirem o barco. A cena foi tão assustadora que os caras apavorados, pensando que iriam morrer, foram até Jesus, que estava dormindo (como pode alguém dormir no meio de uma tempestade? Só Jesus mesmo), para pedirem socorro pelas suas próprias vidas. Digo que eles fizeram o que qualquer um faria, ou seja, no momento de desespero, ninguém melhor que Jesus para nos socorrer. Porém, para nossa surpresa, ao invés de Jesus elogiá-los, ao invés de exaltar a fé desses caras, ele chamou-os de medrosos, tímidos e homens de fé pequena.
O conceito de fé que as pessoas têm aprendido é esse: “Fé é aquilo que coloca Deus em movimento”. Mas agora irei lhes apresentar um novo conceito de fé que talvez vocês nunca tenham ouvido: “Fé é aquilo que nos coloca em movimento”.
Jesus diz que a fé dos caras era pequena justamente pelo fato de que eles poderiam ter dado ordem a tempestade ao invés de acordá-lo. Pelo sangue de Jesus que está sobre nossas vidas e pelo Espírito Santo que habita em nós, nos foi dado autoridade para expulsar demônios, para determinar cura sobre os doentes e até ressuscitar os mortos – pelo nome de Jesus o Cristo.
Os caras deveriam ter uma atitude diferente da que tiveram. Os caras deveriam agir e pronto.
Quanto a nossa realidade, precisamos ter uma atitude de fé ativa. Se sonharmos com alguma coisa, não adianta ficar parado lamentando ou até mesmo pensando assim: “Deus, faz alguma coisa. Nos dê um trabalho (ministério) bacana, uma local próprio para nossas reuniões, um evento, unção, ousadia, vontade de te servir, de ler a bíblia, de orar, nos dê um time de trabalho como nunca se viu igual, umas bandas, pregadores, um site muito louco, etc.
TEMOS QUE TER UMA ATITUDE. A FÉ QUE TEMOS DO ESPÍRITO SANTO DEVERÁ NOS MOVER NA DIREÇÃO DA VONTADE DE DEUS. TEMOS QUE COLOCAR NOSSA CABEÇA PARA FUNCIONAR, PLANEJAR, ESCREVER, DISCUTIR, MEXER OS BRAÇOS E AS PERNAS, SAIR DE CASA, IR PARA OS LUGARES, FALAR, NEGOCIAR, PESQUISAR, TOCAR E CANTAR, PREGAR, DESPRENDER-SE, RESPONDER, MORTIFICAR DESEJOS DE PECADOS, CONSAGRAR-SE, PAGAR UM PREÇO E EXECUTAR. FÉ É O QUE NOS COLOCA EM MOVIMENTO, E NÃO O QUE COLOCA DEUS EM MOVIMENTO. POIS DEUS NÃO ESTÁ PARADO. POR FAVOR, ENTENDAM ISSO… ATITUDE GALERA.
O melhor texto para explicar esse novo conceito que acabaram de ler, é o que está na carta de Tiago, capitulo dois, do versículo catorze em diante. Está claramente escrito que ninguém poderá dizer ter fé se não movimentar suas mãos em favor do necessitado. Dessa maneira se a sua fé não estiver acompanhada de ações, é coisa morta. O verdadeiro conceito de fé é o que nos coloca em movimento na direção de Deus e consequentemente em favor do próximo – do necessitado. Também no próprio texto de Hebreus, se lermos o capítulo onze inteiro, veremos que todos os herói da galeria da fé se movimentaram, tiveram uma atitude, fizeram umas coisas muito loucas.
Paulo David Muzel Jr – TROPICAL
muzel.jr@uol.com.br

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Coletivo TraçaUrbana

o c o r p o e n t r e d o t e c i d o u r b a n o

De volta ao Manual

Pensamentos sobre o amor de Deus na vida cotidiana

projetosilva

Ukulele e Voz ,Letras Simples e Pensamentos Sinceros...

Don Charisma

because anything is possible with Charisma

Do Pensamento no Deserto

CRÔNICAS, ARTIGOS, ENTREVISTAS E IDÉIAS DE LUIZ FELIPE PONDÉ

Nelson Costa Jr.

" Ceci Est Un Dieu "

Marco Juric

Fotografia

Teologia Hermenêutica

Sobre os equívocos, exageros, métodos e possibilidades de interpretação teológica no pensamento cristão.

TROPICAL - AIRO

espiritualidade

Sandro Baggio

Trilhando o estreito caminho entre o cinismo e a ingenuidade.

A Bacia das Almas

Onde as ideias não descansam

espiritualidade

drnerium

Just another WordPress.com site

Uma pausa para o café.

Porque precisamos de uma pausa.

jonasmadureiradotcom.wordpress.com/

"Quebre os grilhões da cela, mas não se assuste se o prisioneiro não sair, talvez a cela seja absurdamente confortável."

Reino & Sacerdote

Trabalhando para que a Igreja cresça e que o Reino avance!!! Ap 1.5,6

%d bloggers like this: